Segurança na Internet

Pessoal, fico admirado com o espanto das autoridades brasileiras, sobre a espionagem arquitetada pelo governo dos Estados Unidos, sabendo eles que isso é uma prática já realizada a tempos. Todos que utilizam os recursos tecnológicos estão sujeitos a interferências, nossa privacidade foi pro ralo, no momento que a internet se desenvolveu, não temos segurança em nada, o que é preciso fazer é educar  as pessoas e o governo fazer a parte dele, prover mecanismos reais para defesa da nação, mas quem deveria preservar a privacidade, não confia em seus cidadãos.

Hoje, qualquer “menininho” que tenha um computador, com um mínimo de pesquisa, conhece as práticas para invasão de redes, simples assim, na internet tem tudo.

O Governo visando “regulamentar” essa questão aprovou o Marco Civil da Internet, este projeto estabelece regras, princípios, direitos e deveres dos internautas, com vários mecanismos para garantir a liberdade na rede com responsabilidade,  mas que não surtiu muito resultado.

A legislação deve garantir que a privacidade das pessoas seja protegida, mas sem mascarar a liberdade de expressão e os direitos dos internautas.

Para concluir meu pensamento, transcrevo abaixo, um artigo publicado no Jornal AGAZETA, no dia 20/08/2013, do colunista e jornalista Gutman Uchôa de Mendonça.

 

Inteligência e Poder

Ou nossos governantes são realmente muito ingênuos ou tremendamente burros! Prefiro ficar com a última assertiva. Descobriu-se, afinal, que os Estados Unidos promovem espionagem contra o Brasil e demais países da América Latina, Europa etc… Novidade: descobriram a pólvora… Antes de 1980 os americanos treinavam e mandavam para todos países que lhes interessavam, quer por posições estratégicas, econômicas ou políticas, agentes que se infiltravam, através de suas representações diplomáticas, para armazenar dados.

Convênios os mais diversos, inclusive prestações de serviço por empresas estrangeiras no campo de pesquisas minerais, tudo isso era, sub-repticiamente, transferido – o mapa da mina – para os americanos que detinham, a partir daí, um conhecimento vasto das potencialidades nacionais, nos mais variados aspectos, inclusive o pensamento político.

Para um bobo qualquer que quiser adquirir o arquivo dos portadores de CPF ou de CNPJ, inscritos no imposto de renda, tudo que for de mais escondido, camuflado ou impenetrável, quem percorrer a Rua Santa Efigênia, em São Paulo, adquire um CD pirata com todos esses dados, e olhe lá se não venderem um que conste nossa declaração de IR…

Os EUA têm o maior sistema de espionagem do mundo, que, de tão grande, permite que um jovem integrante de sua equipe de fuçadores de informações, como o técnico Edward Snowden, surrupie uma parte delas. Não adianta espernear, fazer bravatas populistas, que não irão resolver o problema.

Não existe segredo colocado em computadores que não seja descoberto pelos fuçadores de informações. Os sistemas de armazenamento de dados da CIA, FBI, de todos os sistemas de inteligência da Europa, da Rússia, tudo isso foi desvendado pelos curiosos americanos, que também não estão imunes de receber a visita de curiosos. Se os americanos quiserem, quando saímos de casa pela manhã para trabalhar, eles ficam sabendo o trajeto que fazemos até o trabalho, o que comemos e, pasmem, até a cor da nossa roupa íntima. Dona Dilma que se cuide com o avanço tecnológico e, se puder, passe a fazer o mesmo. Inteligência, minha gente… Viva a internet!

Autor: http://www.uchoademendonca.jor.br/default.asp?page=1

Para finalizar, é preciso educação e investimento em segurança da informação, tanto pelas empresas, quanto pelo governo. A maioria das pessoas que são afetados por crimes cibernéticos são lesadas, na maioria das vezes, por falta de informação, por usar a internet sem cautela, isso é pesquisa, dados concretos. As redes sociais e sites divulgam suas informações, sua localidade, seus dados pessoais e passam essas informações para o mercado capitalista, cria-se um ciclo vicioso, onde quem sai perdendo são os usuários, que muitas vezes concordam com tudo isso (mesmo sem saber).

Estamos num mundo vigiado, pensem nisso.

Fique atualizado!

Fique atualizado!

Deixe seu e-mail abaixo e receba conteúdo exclusivo do blog.

You have Successfully Subscribed!